Maioria dos eleitores do Pará é contra a divisão do Estado



Maioria dos paraenses é contra a divisão do Estado. É o que afirma a pesquisa do instituto DataFolha, encomendada pela Tv Liberal e jornal Folha de São Paulo e divulgada nesta sexta-feira (11). Foram realizadas 880 entrevistas em 42 municípios paraenses, no período de 7 a 10 de novembro de 2011 e registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número – 46041/2011. Os eleitores, acima de 16 anos, responderam as seguintes perguntas: 'Você é a favor da criação do Estado de Carajás?' e 'Você é a favor da criação do Estado do Tapajós?'.
Carajás - Em relação ao Estado de Carajás 58% do entrevistados disseram 'Não' a divisão.  Já 33% falaram que 'Sim', são a favor da divisão. Responderam 'Não sabe' 8%. Segundo a pesquisa, a divisão do Pará em duas novas unidades federativas é rejeitada pela população do Estado, mas encontra respaldo entre os eleitores que estão nas áreas onde seriam criados os novos Estados de Carajás e Tapajós.
A principal resistência à criação dos novos Estados vêm da área onde ficaria o novo Pará, reduzido em seu território.  A margem de erro do levantamento é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.



Tapajós - O índice dos eleitores que votariam favoravelmente à divisão do Pará para a criação do Estado do Tapajós é idêntico ao dos que têm a mesma opinião sobre Carajás: 33% são a favor do surgimento de Tapajós, e 58%, contra. O índice dos que não souberam responder foi de 10%. Nos dois casos - Tapajós e Carajás - a pesquisa ressalta que a soma não totaliza 100% por causa do arredondamento das casas decimais. Uma vez que o Datafolha não divulga os resultados com casas decimais essa diferença pode acontecer.

 

Entre os eleitores que moram no território dos possíveis novos Estados, o apoio é maior à divisão. No Carajás, 84% são a favor de que a região se torne um novo Estado. No Tapajós, são 77% os favoráveis à criação do Estado. Entre os eleitores do Pará remanescente, 80% são contra a criação do Carajás e 77% são contra Tapajós.
O plebiscito irá consultar, no dia 11 de dezembro de 2011, a população do Pará sobre a divisão do atual território do Estado em duas novas unidades federativas.

Dois números serão utilizados no dia do Plebiscito. O '55' deverá ser escolhido pelos eleitores que deciderem pela não criação dos Estados e o '77' para os que forem favoráveis ao desmembramento do Estado.

Redação Portal ORM
Arte: Tv Liberal
Compartilhar:

Postar um comentário

Designed by OddThemes | Web Master: Charlem Sarges