Enter your keyword

Fique por dentro de tudo que acontece nessa terra maravilhosa!

24 de abril de 2012

Paraense está entre jovens que sumiram a caminho da Bahia

A estudante paraense Rosaflor Oliveira Chacon Pinto, 23 anos, está entre os cinco jovens que desapareceram quando viajavam de São Mateus, no norte do Espírito Santo, até Prado, no sul da Bahia, para uma festa de aniversário na noite da sexta-feira (20). Eles sumiram sem deixar vestígios. A jovem é filha do integrante do grupo de teatro paraense Experiência, José Ribamar Chacon Pinto, e mora há mais de dez anos na cidade Serra, na grande Vitória (ES), com a mãe e a irmã.

Chacon que ficou muito abalado com a notícia e ainda tem poucas informações sobre o caso. 'Estou com a cabeça para explodir, nem sei o que pensar. Entregamos nas mãos de Deus porque não dá nem para ter ideia do que aconteceu', disse o pai da jovem.

O pai conta ainda que está se preparando para viajar para a região, o que deve acontecer na manhã desta quarta-feira (25), para ajudar nas buscas. 'Mandei confeccionar vários cartazes com a foto dela para levar', conta. Mas antes, ele tenta o apoio junto ao Governo do Estado. 'Estou tentando uma audiência com o Governo para solicitar que seja dado apoio da Polícia e dos Bombeiros daqui, nas buscas na Bahia', revela.

Familiares dos jovens desaparecidos se uniram com integrantes da Igreja e também fazem buscas na área. 'Como é uma cidade pequena, onde tem uma comunidade evangélica grande, eles se uniram para ajudar', informou.


Quem tiver qualquer informação sobre a localização dos cinco jovens pode entrar em contato com a Delegacia de Pessoas Desaparecidas, em Vitória, pelo telefone (27) 3137-9065, ou ligar para o disque-denúncia da Secretaria de Segurança Pública, pelo telefone 181. A identidade da testemunha ficará em sigilo.

Boato - Durante a manhã desta terça-feira (24), circularam várias informações a respeito da localização dos jovens desaparecidos, inclusive de que os corpos dos cinco jovens teriam sido achados dentro do carro, em uma estrada no trajeto da viagem.

Mas a família garante que não passaram de boatos. 'Infelizmente, eles não foram encontrados ainda, mas as buscas continuam por ar e também via terrestre', disse a irmã da paraense, Luísa Chacon.

Luciana Cavalcante (Portal ORM)
Foto: Arquivo pessoal

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular

Follow by Email