Pular para o conteúdo principal

Começa o vestibular 2017 na Uepa.


Nota: Foi prorrogrado até o dia 13 de outubro, o período da solicitação de isenção do pagamento da taxa de inscrição, destinado a servidores da Uepa, seus dependentes e pessoas com deficiência. O site para o pedido é www.uepa.br/daa.
 
Os candidatos do Processo Seletivo 2017 (Prosel) e da terceira etapa do Programa de Ingresso Seriado (Prise) da Universidade do Estado do Pará (Uepa) já podem conferir as regras, cronograma e o quadro de vagas para esta edição do vestibular. Este ano, a Instituição disponibiliza um total de 3.702 vagas, sendo que 50% destas serão reservadas aos candidatos oriundos de escolas públicas do Pará. As inscrições para candidatos ao Prosel iniciam em outubro, enquanto a confirmação da inscrição dos estudantes da terceira etapa do Prise poderá ser feita a partir de hoje no site www.uepa.br/daa.
 
Por primar pela ampliação e democratização do acesso ao ensino superior público, a Uepa passa a garantir metade das suas vagas no Prise e no Prosel a alunos que cursaram e concluíram todas as séries do Ensino Médio em escolas públicas das redes municipal, estadual ou federal, no território paraense.
 
A medida representa a implantação das cotas sociais na Uepa. Desde 2014, a Instituição implementa  a reserva de vagas para candidatos da rede. Nos Processos Seletivos de 2015 destinou-se 30%; em 2016, 40%; e cumprindo a proposta da Gestão Superior, atinge 50% das vagas nessa seleção.
 
“Somos uma Universidade do Estado, mantida com o dinheiro do contribuinte estadual. Nada mais coerente que investirmos em ações afirmativas que possam combater a desigualdade social. A educação tem um papel fundamental nisso”, justificou o reitor Juarez Quaresma.
 
Para o Prosel, haverá também a bonificação de 10% sobre as notas alcançadas no Enem, aos candidatos que declararem, no ato da solicitação de inscrição, serem de escolas localizadas no território paraense, sejam elas públicas ou privadas. A medida aumenta as chances de candidatos paraenses no certame, que vem sendo cada vez mais buscados por estudantes de outros estados.
 
O quadro de vagas é dividido igualmente entre Prise e Prosel. Cada modalidade do certame oferece 773 para os campi de Belém e 1.078 vagas para o interior. O Centro de Ciências Sociais e Educação (CCSE) é que oferta o maior número de vagas, 1.075. Em seguida, vem o Centro de Ciências Biológicas e Saúde (CCBS), com 403 vagas, e o Centro de Ciências Naturais e Tecnologia (CCNT), com 373 vagas.
 
PROSEL
As inscrições para o Prosel 2017 ocorrem de 25 de outubro a 7 de novembro, exclusivamente via internet, pelo site Instituição. A taxa de inscrição é de R$ 60 e deverá ser paga até 8 de novembro em qualquer agência bancária. No ato da inscrição, o candidato deverá preencher o cadastro com os dados pessoais e ao final será gerado um número de protocolo da solicitação de inscrição. O Cadastro de Pessoa Física (CPF) é documento obrigatório no ato da inscrição, além de um endereço de e-mail válido.
 
A listagem dos inscritos no Prosel será divulgada em 21 de novembro. A partir dessa data até 29 do mesmo mês, os candidatos poderão comunicar sobre problemas na inscrição e solicitar a correção de dados. 
 
O primeiro Exame Habilitatório de Música dos inscritos no Prosel está marcado para 11 de dezembro, e o segundo em 18 de dezembro. O resultado sai em 5 de janeiro. Os exames são avaliados por profissionais da área, e ocorrerão em Belém, Santarém e mais um município entra nos Processos Seletivos 2017, Vigia de Nazaré.  
 
PRISE
 
Já na terceira e última etapa do Prise, os interessados deverão renovar as inscrições de 28 de setembro a 10 de outubro. O mesmo período será o de entrega dos documentos que comprovem a solicitação de atendimento especializado e isenção. A taxa de inscrição deverá ser paga até 7 de outubro, sendo R$ R$ 60 integral, e R$ 30 parcial. A taxa de inscrição deve ser paga até 11 de outubro.
 
A listagem dos inscritos no Prise será divulgada em 21 de outubro. A partir dessa data até 26 do mesmo mês, os candidatos poderão comunicar sobre problemas na inscrição para corrigir possíveis erros nos dados. As provas do Habilitatório de Música do Prise ocorrerão em 13 de novembro.
 
Tanto no Prosel quanto no Prise, somente os candidatos que optam por Licenciatura em Música tem, no ato da inscrição, a chance de escolher uma segunda opção de curso. Caso sejam reprovados nos Habilitatórios, não são eliminados da disputa antes mesmo de obterem o resultado nas provas objetivas.  Os editais com todos os detalhes dos processos seletivos já estão disponíveis no site da Uepa.
 
Texto: Ascom Uepa
Foto: Bianca Almeida

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CONCURSO PÚBLICO DE PORTEL OFERTARÁ 845 VAGAS

Após ter assinado um TAC - Termo de Ajuste de Conduta com o Ministério Público para realizar concurso público e nomear os aprovados até janeiro de 2019, a Prefeitura de Portel deve lançar na próximo dia 23 (sexta) o edital 001/2018 para a realização de concurso público que ofertará 845 vagas em diversos níveis de escolaridade.
O organizador do certame será o Instituto Ágata e o período de inscrição no concurso será entre os dias 28/11 e 30/12 no site www.institutoagata.com.br.
A provas serão marcadas para o dia 20 de janeiro de 2019.
Fonte: Marajó Notícias

ATUAL PRESIDENTE DA CÂMARA DE PORTEL DISPUTARÁ A PREFEITURA EM 2020

O vereador Moisés Moreira, do PSC, que até o próximo dia 31/12 é o presidente da Câmara Municipal de Portel, se colocará à disposição do seu partido para concorrer à Prefeitura de Portel em 2020. Empenhado na campanha para a eleição que aconteceu em outubro, o vereador realizou diversas reuniões em comunidades da sede e do interior do município, e nelas, por diversas vezes, foi intimado pelos comunitários a concorrer em 2020 para o cargo majoritário em Portel. De acordo com informações obtidas pelo blog, Moisés Moreira também tem recebido bastante apoio de amigos e lideranças politicas locais e regionais. Com mais de 20 anos de experiência no legislativo, chegou a hora do vereador se submeter a este desafio de governar uma das cidades com os piores índices sociais da região, mas com um potencial turístico, riquezas naturais e um povo muito trabalhador e ordeiro.

Fonte: Blog Marajó Notícias

PARLAMENTO JUVENIL MERCOSUL 2018

O Marajó tem uma candidata para representar nossa região. Enza Yasmin Melo Lima é do Município de Breves.

"Tenho 15 anos, moro em Breves no Pará e sou aluna do 2º ano do Ensino Médio Integrado no IFPA Campus Breves. Sou defensora dos direitos das crianças e adolescentes e membro do JUVA - Juventude unida pela vida na Amazônia. Ciente de meu papel como representante do Marajó, onde temos os piores IDH do Brasil, meu objetivo é representar nosso estado, nossa cultura, nossa identidade, nossos anseios e nosso desejo de uma educação de qualidade e gratuita para todos." Título do Projeto: A internet como ferramenta de integração para os alunos do Ensino Médio.

Resumo: O projeto visa à criação ou ampliação de um espaço informatizado com acesso a internet e profissionais qualificados. Uns dos requisitos era que o projeto contemplasse uma necessidade local e em nossa região marajoara esse espaços muitas vezes são inexistentes e os alunos da…