Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2016

PLENÁRIO - Sessão Deliberativa - 17/04/2016 - 14:00

Preocupações dos moradores de Portel

Pesquisa revela as maiores preocupações que os moradores da cidade.
Segurança 56% Lixo 20% Educação 8% Saúde 8% Assistência Social 4% Plano Diretor 4% Numa sociedade em que se exerce democracia plena, a segurança pública garante a proteção dos direitos individuais e assegura o pleno exercício da cidadania. Neste sentido, a segurança não se contrapõe à liberdade e é condição para o seu exercício, fazendo parte de uma das inúmeras e complexas vias por onde trafega a qualidade de vida dos cidadãos. Quanto mais improvável a disfunção da ordem jurídica maior o sentimento de segurança entre os cidadãos.

Polícia prende suspeito de matar um adolescente, em Portel

As Polícias Civil e Militar prederam um homem de 25 anos que é suspeito de ter matado um adolescente, no município de Portel, na ilha do Marajó. Ele foi capturado em flagrante logo após o crime, na ultima segunda (4). Foram apreendidos uma arma, munições, pólvora e chumbo usados no crime.

A operação que resultou na prisão, teve a colaboraão de denúncias anônimas. De acordo com a Polícia Civil, a vítima foi morta na rua Nelson Balieiro de Deus, no bairro Portelinha, por uma desavença entre o acusado e ela. O adolecente que foi morto com um tiro de espingarda na cabeça.

As diligências para achar o autor do crime, que aconteceu às 17h0,  duraram cerca de dez horas. O suspeito permanece preso, à disposição da Justiça.

Polícia prende suspeita da morte de professora em Portel, no Pará

Uma operação conjunta das Polícias Civil e Militar de Portel, na ilha do Marajó, localizou uma mulher foragida da Justiça suspeita de ter matado uma professora no município. A vítima do crime foi a professora Maria Djane Marques Nascimento, 31 anos, morta a facadas no último mês de março. A acusada está com mandado de prisão preventiva decretada pela Comarca de Portel. A prisão de Nelzilene se deu durante buscas realizadas. De acordo com a polícia, a motivação do crime ainda está sendo apurada. A vítima foi encontrada morta na própria casa, no bairro Portelinha. O corpo já estava em decomposição. Nada da casa havia sido levado, segundo a polícia.