Pular para o conteúdo principal

Odontologia e Oftalmologia batem recordes de atendimentos em Portel

Uma das especialidades mais procuradas durante a etapa Portel da Caravana Pro Paz Cidadania Presença Viva é a Odontologia. Somente nos dois primeiros dias de ação no município (20 e 21), foram realizados mais de 4 mil procedimentos entre restaurações, raspagem, profilaxia, remoção de raiz, capeamento pulpar, aplicação tópica de flúor, suturas, escovação orientada e palestras.

O marceneiro Jorge Vitor Barbosa, de 21 anos, procurou o atendimento odontológico pela primeira vez na vida após ouvir no rádio a divulgação dos serviços da caravana. A busca foi pela extração dentaria e raspagem de tártaro. Ele admite que só procurou o atendimento por conta da facilidade. “Já tentei atendimento em Portel, mas nunca conseguia ficha. Só vim porque meu vizinho disse que conseguiu ser atendido e ficou muito satisfeito com o resultado”, contou.

A dona de casa Andreza Lopes também aguardava sua vez de entrar no consultório. Ansiosa pelo atendimento de restauração e limpeza dentaria, a dona de casa diz que a ação no município vem preencher uma carência no serviço que não é prestado de forma eficiente na unidade de saúde de Portel. “É muito difícil conseguir uma consulta com os dentistas que atuam aqui na cidade. Além de ser muita gente na sede do município, ainda tem as comunidades rurais. A ação do Pro Paz está sendo um alívio para quem precisa de atendimento dentário”, agradeceu a moradora.
Segundo a coordenadora geral da etapa Pro Paz Cidadania Presença Viva em Portel, Hebe Ripardo, nos municípios pelos quais a caravana já passou a grande procura é pelo serviço de Oftalmologia, seguido pelo atendimento nas Clínicas Médica e Pediátrica. Em Portel, a segunda maior demanda foi a Odontologia. “Isso demonstra que o município tem uma demanda reprimida nessa área. Além do tratamento, estamos realizando um trabalho preventivo, com orientações sobre a importância da higiene bucal”, explica.

Óculos
Outro recorde de atendimento somente nos dois primeiros dias de ação foi na clínica Oftalmológica, com aproximadamente 5 mil consultas. Os problemas mais comuns identificados pelos oftalmologistas da Caravana foram a presbiopia, principalmente em pacientes com idade entre 40 a 60 anos. Já a catarata foi o principal diagnóstico em pacientes com idade acima de 60 anos. Outro problema bastante comum entre portelenses é piterismo, também conhecido como “carne crescida”.

Segundo o médico Rafael Eidi Yamamoto, os pacientes passam por vários exames para confirmação do diagnóstico. A estrutura do consultório permite a realização de exames de lâmpada de fenda, que identificam a biomicroscopia do paciente, exames de fundo de olho para análise da retina, nervo ótico, mácula e por último os pacientes passam pelo exame de refração, que indica a necessidade do uso de óculos. Os casos de piterismo, dependendo do grau, são encaminhados para tratamento continuado na Unidade de Referencia à Saúde do município. “Existem vários graus de piterismo e a indicação cirúrgica é para os pacientes que já possuem dificuldade para enxergar”, explica o médico.
Nos casos de prescrição de óculos o paciente é atendido na ótica que funciona ao lado da clínica oftalmológica. Após a consulta o paciente escolhe o modelo da armação fornecendo aos técnicos a receita prescrita pelo médico. Cinco pessoas trabalham na fábrica de óculos e cada um fica responsável por uma etapa do processo. “O paciente entrega a receita, um dos funcionários anota todas as medidas, repassa para o responsável pelas lentes, que identifica a necessidade do paciente e depois nos passa para fazermos os recortes. O óculos é entregue em no máximo 15 minutos", explica Rudivaldo Martins, coordenador da Ótica.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CONCURSO PÚBLICO DE PORTEL OFERTARÁ 845 VAGAS

Após ter assinado um TAC - Termo de Ajuste de Conduta com o Ministério Público para realizar concurso público e nomear os aprovados até janeiro de 2019, a Prefeitura de Portel deve lançar na próximo dia 23 (sexta) o edital 001/2018 para a realização de concurso público que ofertará 845 vagas em diversos níveis de escolaridade.
O organizador do certame será o Instituto Ágata e o período de inscrição no concurso será entre os dias 28/11 e 30/12 no site www.institutoagata.com.br.
A provas serão marcadas para o dia 20 de janeiro de 2019.
Fonte: Marajó Notícias

ATUAL PRESIDENTE DA CÂMARA DE PORTEL DISPUTARÁ A PREFEITURA EM 2020

O vereador Moisés Moreira, do PSC, que até o próximo dia 31/12 é o presidente da Câmara Municipal de Portel, se colocará à disposição do seu partido para concorrer à Prefeitura de Portel em 2020. Empenhado na campanha para a eleição que aconteceu em outubro, o vereador realizou diversas reuniões em comunidades da sede e do interior do município, e nelas, por diversas vezes, foi intimado pelos comunitários a concorrer em 2020 para o cargo majoritário em Portel. De acordo com informações obtidas pelo blog, Moisés Moreira também tem recebido bastante apoio de amigos e lideranças politicas locais e regionais. Com mais de 20 anos de experiência no legislativo, chegou a hora do vereador se submeter a este desafio de governar uma das cidades com os piores índices sociais da região, mas com um potencial turístico, riquezas naturais e um povo muito trabalhador e ordeiro.

Fonte: Blog Marajó Notícias

PARLAMENTO JUVENIL MERCOSUL 2018

O Marajó tem uma candidata para representar nossa região. Enza Yasmin Melo Lima é do Município de Breves.

"Tenho 15 anos, moro em Breves no Pará e sou aluna do 2º ano do Ensino Médio Integrado no IFPA Campus Breves. Sou defensora dos direitos das crianças e adolescentes e membro do JUVA - Juventude unida pela vida na Amazônia. Ciente de meu papel como representante do Marajó, onde temos os piores IDH do Brasil, meu objetivo é representar nosso estado, nossa cultura, nossa identidade, nossos anseios e nosso desejo de uma educação de qualidade e gratuita para todos." Título do Projeto: A internet como ferramenta de integração para os alunos do Ensino Médio.

Resumo: O projeto visa à criação ou ampliação de um espaço informatizado com acesso a internet e profissionais qualificados. Uns dos requisitos era que o projeto contemplasse uma necessidade local e em nossa região marajoara esse espaços muitas vezes são inexistentes e os alunos da…